Torcida do Cruzeiro ganha presente especial e poderá assistir jogo de forma exclusiva

A torcida do Cruzeiro está feliz da vida com o momento vivido no clube, que agora tem a gestão de Pedro Lourenço, vai contratar grandes jogadores na última janela de contratações, nomes estão chegando e acabou de ganhar presente especial nesta quinta-feira (6), tendo a partir de agora mais uma opção de assistir jogos de forma exclusiva.

Com acordo, a Rádio Itatiaia vai transmitir, ao vivo e com imagens, o jogo festivo de inauguração de um novo campo na Toca da Raposa I, em Belo Horizonte, onde o clube vai lançar o campo sintético no Centro de Treinamento, que vai levar o nome de Dirceu Lopes, ídolo do Cabuloso com mais de 600 partidas disputadas e mais 200 gols marcados.

Pelas redes sociais, o Cruzeiro divulgou a ação no Centro de Treinamento, que vai contar com ex-atletas do clube. “Nesta sexta-feira (7/6), o Cruzeiro irá inaugurar o novo campo sintético da Toca da Raposa 1! O campo levará o nome do nosso ídolo eterno, Dirceu Lopes, que será homenageado no evento de inauguração”, divulgou o Cruzeiro no X.

Dirceu Lopes é um dos maiores jogadores da história do Cruzeiro, tendo conquistado Taça Brasil (1966), Copa Libertadores (1976), Campeonato Mineiro (1965, 1966, 1967, 1968, 1969, 1972, 1973, 1974 e 1975) e Taça Minas Gerais (1973).

Possível contratação do Cruzeiro recebeu homenagem

Paulinho recebeu dos membros da organizada uma placa de agradecimento e um quadro com imagens de momentos marcantes do clube. Deixando o clube e perto de acertar com outras equipes, a imagem deixando aos Corinthianos será sempre positiva.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Esta homenagem também serve para tirar a imagem de que a Fiel Torcida é ingrata com seus ídolos. Você está saindo pela porta da frente e está mostrando para os jogadores atuais que um dia eles podem receber uma homenagem dessas. Somos muito grato a você”, disse um dos membros presentes que deram a homenagem ao jogador.

Comentários estão fechados.