Tinga deixou companheiros de Cruzeiro para trás e escolheu ídolo do Atlético em decisão difícil

O ex-jogador Tinga, campeão do Brasileirão pelo Cruzeiro em 2013 e 2014, deu declaração surpreendente nos últimos dias e deixou os companheiros da equipe para trás, escolhendo ídolo do Atlético-MG em decisão complicada. Aos 46 anos, o volante também foi gerente de futebol da Raposa por um curto período, deixando o clube após mudança de gestão política.

Campeão pelo Cruzeiro, Tinga elegeu Ronaldinho Gaúcho como o melhor jogador que jogou junto. A escolha foi feita durante programa na Rádio Itatiaia. Os dois jogaram juntos no Grêmio, quando ainda eram jovens promessas. No entanto, montando seleção geral dos melhores companheiros, Tinga elencou dois ex-jogadores da Raposa: Fábio e Everton Ribeiro.

Seleção dos melhores que jogou junto: Fábio (Cruzeiro); Anderson Lima (Grêmio), Mauro Galvão (Grêmio), Índio (Internacional), Dedé (Dortmund); Eduardo Costa (Grêmio), Tinga, Ronaldinho Gaúcho (Grêmio), Éverton Ribeiro (Cruzeiro); Fernandão (Internacional) e Rafael Sobis (Internacional). Técnico: Tite (Grêmio).

  • Melhor defensor que enfrentou: Mauro Galvão
  • Melhor atacante que enfrentou: Edmundo
  • Melhor que jogou junto: Ronaldinho Gaúcho
  • Melhor técnico que te treinou: Tite
  • Jogador mais ‘resenha’: Perdigão
  • Estádio mais difícil de jogar: Estádio Durival Britto e Silva – Vila Capanema
  • Estádio com mais pressão: Signal Iduna Park, do Borussia Dortmund
  • Título mais importante da carreira: Copa Libertadores (2006)

Neto criticou Ronaldo e afirmou “dinheiro de pinga”

O comentarista Craque Neto, apresentador do programa “Donos da Bola”, da TV Bandeiras, fez revelação fortes sobre grande negócio realizado por Ronaldo Fenômeno, que atuou como gestor da SAF do Cruzeiro entre dezembro de 2021 e abril de 2024. Para o ex-jogador e comentarista, os valores pagos por R9 são “dinheiro de pinga”.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Durante o programa “Apito Final”, Neto criticou a forma como Ronaldo se tornou dono do clube. Não custa lembrar que o Fenômeno tornou-se dono de 90% das ações da SAF em dezembro de 2022, com a promessa de investir R$ 400 milhões da seguinte forma, mas cláusulas contratuais eximiam o empresário dos pagamento.

Comentários estão fechados.