O melhor! Técnico de rival mineiro se rende ao futebol do Cruzeiro

O Cruzeiro de Paulo Pezzolano segue encantando os torcedores celestes. Sete meses após sua estreia pela Raposa, o time mineiro conquistou, mais do que números, uma identidade que há tempos não se via. Com personalidade arrojada, a equipe estrelada retomou uma antiga característica histórica: a ofensividade.

Porém, Pezzolano trouxe ao Cruzeiro a nova faceta de um time aguerrido, com intensidade durante os 90 minutos da partida. O desempenho do comandante uruguaio pode ser notado nos números do clube mineiro nesta temporada. 

Líder da Série B do Brasileirão, com sete pontos de frente para o segundo colocado e com um jogo a menos, o Cruzeiro tinha, até o início da rodada, o melhor ataque da competição. Além disso, o clube estrelado tem a segunda melhor defesa, atrás apenas do Grêmio.

O próximo jogo do Cruzeiro e o elogio de um rival

O próximo compromisso do Cruzeiro será neste sábado, 06 de agosto, contra o Tombense, no Mineirão. A partida, válida pela 22ª rodada da competição, colocará frente a frente o líder do torneio e o quinto colocado, primeiro clube fora do G4. Atualmente, 14 pontos separam as equipes. 

O técnico do Tombense, Bruno Pivetti, não poupou elogios ao Cruzeiro de Pezzolano e se rendeu ao trabalho do comandante celeste. Em suas palavras, o clube estrelado tem como principal característica uma ‘agressividade muito grande’. 

“O Cruzeiro é uma equipe que tem uma agressividade muito grande, principalmente na pressão após a perda da bola, eles são muito agressivos na pressão para retomada imediata da bola”, iniciou o treinador, em entrevista à rádio 98FM.

Bruno Pivetti destacou ainda a precisão que sua equipe precisará demonstrar. “Sabemos que temos que ser cirúrgicos para retirar essa bola da zona de pressão, é uma equipe que tem característica de marcação zonal, marca o espaço em função do posicionamento da bola”, concluiu.

O Tombense terá pela frente um grande desafio: vencer o Cruzeiro dentro do Mineirão. A equipe de Pezzolano, atuando diante da sua torcida, sequer perdeu pontos na competição, são dez jogos e dez vitórias, ou seja, 100% de aproveitamento.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.