NADA RESOLVIDO! Recado de Matheus Pereira relembra problema que já estava presente em 2023

O meia Matheus Pereira, líder técnico do elenco do Cruzeiro, está assumindo posição de capitão dentro de campo e não vem temendo falar o que é necessário sobre a equipe. Em declaração recente, Pereira relembrou problema antigo que já estava presente em 2023 para não deixar a empolgação cair após derrota sentida no Brasileirão para o São Paulo.

No último final de semana, a Raposa perdeu por 2 a 0 para o São Paulo, no Morumbi, com gols de Lucas Moura e Calleri, em partida válida pela sétima rodada do Brasileirão. O resultado negativo encerrou invencibilidade que durava cinco jogos. Temendo queda de produção, Matheus Pereira foi aos microfones e lembrou de antigo problema da equipe.

“Eu acho que o time entrou muito bem no jogo, nós controlamos bem o primeiro tempo, até mesmo com um a menos. É o que eu sempre falo, a gente não faz os gols e depois fica difícil, o adversário vai lá faz um gol e com menos um fica mais difícil ainda. Infelizmente, essa derrota é muito difícil de digerir, mas não tem o que fazer. Agora é levantar a cabeça e seguir trabalhando, melhorar na fase final, que é o que a gente precisa”, afirmou Matheus Pereira.

Matheus Pereira também ressaltou a falta de eficácia da Raposa para converter as oportunidades criadas em gol, antigo problema da equipe desde 2023, quando terminou o Brasileirão entre os piores ataques da competição.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Acho que no último momento está faltando um pouco mais de calma. Talvez, o Cruzeiro já vem de uma temporada passada onde se falava muito que não fazia gol, então talvez pode estar gerando ansiedade em alguns momentos. Mas outros também o goleiro está bem, o goleiro fez boas defesas hoje. A gente tem que ser mais eficaz, é eficácia, a gente tem que chegar lá e fazer, não dar chance para o adversário”, completou Pereira.

Comentários estão fechados.