Vitor Roque brilha pelo Athletico-PR e deixa torcida do Cruzeiro com saudade

Com o final da janela de transferências, o Cruzeiro e seu torcedor viveram momentos de tensão. Além da expectativa por novos reforços, a Raposa perdeu de forma barata, sua principal promessa dos últimos anos.

O atacante Vitor Roque, de 16 anos, que ganhou grande destaque na atual temporada, deixou o clube para o Athletico-PR. Apesar da multa de 1,5 bilhão para clubes do exterior, por ser baseada em seu salário (de jogador da base), a multa rescisória para clubes nacionais, é considerada baixa em relação ao potencial do jovem atleta.

Com o depósito dos R$ 24 milhões à vista por parte do clube paranaense, a rescisão do atacante com o clube mineiro já foi registrada no Boletim Informativo Diário da CBF, o BID. Tal valor é o maior investimento da história realizado pelo Athletico.

No último domingo, dia 29 de maio, o jovem atleta fez valer tal valor. Com gol marcado aos 39 do segundo tempo, Vitor garantiu a vitória de seu novo clube. A partida contra o Cuiabá se encerrou por 1×0 e o Athletico é o sexto colocado da Série A 2022.

Cruzeiro na Justiça

O diretor de futebol do Cruzeiro, Pedro Martins, revelou que o Cruzeiro deve entrar na justiça para conseguir o que é seu por direito.

“O clube pretende judicializar os fatos. Estamos muito tranquilos e confortáveis com todos os argumentos jurídicos que existem. E o Cruzeiro vai buscar na Justiça os seus direitos para receber a multa que é correta.

Com relação ao atleta, eu acredito que poderia ter uma postura diferente com quem gere a sua carreira. Jogadores de alto nível não precisam de leilão, não precisam de negociações turbulentas e muito menos sair pela porta dos fundos. Do lado de cá, a gente pede para que os atletas do Cruzeiro percebam que a gestão de carreira também é um fator fundamental para o sucesso desportivo. Não é só o desempenho esportivo dentro de campo, é o todo”

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.