Lucas Silva conquista feito inédito para ajudar o Cruzeiro

Lucas Silva acertou a sua volta ao Cruzeiro em meados do ano passado e, em favor da verdade, foi de suma importância para a permanência da Raposa na Série A do Brasileirão. Neste ano, o meia assumiu a braçadeira de capitão do time, ao lado de Rafael Cabral e Lucas Romero. 

O fato é que Lucas Silva alcançou um feito inédito que pode ajudar o Cruzeiro a ser campeão estadual. A saber, o meio-campista está em sua sétima final seguida de um estadual. Desde 2018, o jogador marca presença nas decisões e é campeão. Em 2023, a Raposa decidirá o título com o Atlético-MG.

Lucas Silva abre o jogo sobre final de 2024

A sequência de finais e títulos de Lucas Silva começou com o próprio Cruzeiro, em 2018 e 2019. Depois, o meio-campista emendou quatro edições do Campeonato Gaúcho com o Grêmio (2020, 2021, 2022 e 2023) até voltar ao time celeste em meados do ano passado.

“Estava presente na última final do Mineiro. Para mim, é de suma importância jogar essa final, buscar a conquista do título para o Cruzeiro e colocar, mais uma vez, meu nome na história do clube”, disse Lucas Silva.

A partida de ida da final será neste sábado (30), às 16h30, contra o Atlético-MG, na Arena MRV. A volta, por sua vez, está marcada para 7 de abril, um domingo, no Mineirão, a partir das 15h30. Não custa dizer que ambos os clássicos serão disputados com torcida única. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Além disso, vale lembrar que, por ter feito a melhor campanha geral da primeira fase do Estadual, o time de Lucas Silva, isto é, o Cruzeiro, tem a vantagem de jogar pelo empate ou por vitória e derrota pela mesma diferença no saldo de gols. 

Comentários estão fechados.