Kaká decidiu comprar time após seguir os passos de Ronaldo Fenômeno nos negócios

O ex-jogador Kaká, campeão da Copa do Mundo de 2002 pela Seleção Brasileira, está aposentado do futebol há alguns anos e tomou a decisão crucial de seguir os passos de Ronaldo Fenômeno nos negócios. Usando o antigo companheiro de equipe como inspiração, Kaká também estuda comprar uma equipe no futuro. Ronaldo já vendeu a SAF da Raposa e atualmente só é dono do Valladolid, na Espanha.

Em entrevista recente, Kaká confidenciou o deseja de repetir os passos de Ronaldo. “É uma das coisas que eu penso, sim. Ter um time. Gosto muito dessa ideia de uma gestão geral. É algo que eu gostaria, mas ainda não encontrei uma oportunidade”, disse o ex-jogador do Milan e São Paulo.

Ainda na resposta, Kaká soltou que ainda não recebeu convites interessantes para se tornar sócio de um clube, mas que está aberto. “Não apareceu um projeto para que eu participe como sócio em que eu tenha visto a chance de um trabalho a longo prazo. Até porque, nesse meu período de estudos, eu vi o tanto que há de riscos, principalmente financeiro, dentro dessas questões”, acrescentou.

Ronaldo vendeu a SAF do Cruzeiro no final de abril para Pedro Lourenço, deixando o clube após dois anos e meio. Aos 47 anos, Ronaldo explicou que vem buscando uma vida mais tranquila e o próximo passo nos negócios é se desfazer da equipe espanhola.

Pedrinho fez promessa de encher os olhos que colocou medo no Atlético

Em entrevista recente, Pedrinho afirmou que o Galo está afrente do Cruzeiro, já que conta com grandes aportes há alguns anos, mas a situação vai ser contornada. Na declaração, o empresário afirmou que em dois anos tudo deve ser resolvido. “Hoje o Atlético está muito na nossa frente. Eu tenho consciência disso. Mas, dentro de dois anos, equilibremos isso, né, Sérgio. Equilibraremos isso aí.”, afirmou.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Dono da SAF do Cruzeiro desde o final de abril, após comprar empresa de Ronaldo Fenômeno, Pedrinho BH fez reformulações no corpo diretivo e trouxe executivos de cacife no futebol brasileiro para poderem contratar jogadores de alto nível. Alexandre Mattos, Paulo Pelaipe e Edu Dracena chegaram ao clube e estão atuando nos bastidores pensando na próxima janela de transferências.

Comentários estão fechados.