Jornalista não titubeou ao revelar o pior negócio que Ronaldo Fenômeno já fez

O empresário Ronaldo Fenômeno, de 47 anos, comandou a SAF do Cruzeiro entre dezembro de 2021 e abril de 2024, vendendo a sua participação para Pedro Lourenço, que está afrente do clube atualmente. Tirando a Raposa da Série B e organizando as contas, o Fenômeno saiu da instituição com imagem positiva, mas fez maus negócios e teve falhas.

De acordo com o jornalista Cosme Rímoli, o maior erro de Ronaldo foi ter perdido Vitor Roque, vendido ao Athlético-PR por apenas R$ 24 milhões. Promessa da base celeste, o jogador de 19 anos foi rapidamente vendido pelo Furacão ao Barcelona por quase R$ 400 milhões, valor que salvaria de uma vez por todas a crise financeira do Cabuloso.

“A alegria em Curitiba se dá por causa da maior venda de sua história. Vitor Roque é jogador do Barcelona por 74 milhões de euros, juntando fixo, impostos e bônus. São R$ 395 milhões.”, disse Cosme, apontando o vacilo cometido por Ronaldo e sua gestão.

Considerado uma joia desde a base, o jornalista contou que a Raposa havia comprado Vitor ainda aos 14 anos. “O talento de Vitor Roque vem desde a infância. Quando jogava no América Mineiro. Jornais de Belo Horizonte garantiram que o Cruzeiro pagou R$ 500 mil ao empresário André Cury e os dirigentes celestes levaram o jovem atacante, artilheiro do Campeonato Estadual, para a Toca da Raposa, ao completar 14 anos.”, completou.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O Cruzeiro volta a campo nesta quinta-feira (13), contra o Cuiabá, pela oitava rodada do Brasileirão, às 19 horas, no Mineirão.

Comentários estão fechados.