Dinenno vai encher os bolsos de dinheiro caso ajude o Cruzeiro com gols na Série A

O centroavante Juan Dinenno foi contratado para o Cruzeiro no começo de 2024, vem tendo bom desempenho ao marcar quatro gols em oito jogos e está sabendo que pode encher os bolsos de dinheiro se ajudar o clube balançando as redes na Série A. Vindo do Pumas, do México, o jogador está tendo a primeira oportunidade no Brasil e vai fazer de tudo para não desperdiçar.

Para 2024, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) resolveu que o artilheiro do Brasileirão merece ser reconhecido e Dinenno está de olho para faturar alto. Em comunicado recente explicando a nova premiação, nomeada de “Troféu Roberto Dinamite”, a CBF vai pagar ao goleador do campeonato R$ 100 mil por gol feito e uma taça com o nome do ídolo do Vasco.

“É mais do que merecido, por tudo que o Roberto Dinamite representa para o futebol brasileiro. Um ídolo do esporte nacional, exemplo maior de atleta, sempre cumpridor de seus deveres e um artilheiro nato. A CBF vai sempre reverenciar o legado dos nossos craques”, disse Ednaldo Rodrigues, presidente da CBF.

Comandado por Nico Larcamón, Juan Dinenno está tendo bom começo no Cruzeiro, sendo titular e artilheiro da equipe, mas acabou ficando de fora das duas partidas contra à Tombense, na semifinal do Campeonato Mineiro, por desgaste muscular. Com bom comportamento, Dinenno está ficando marcado pelos colegas de equipe pela exagerada vontade de treinar para melhor em campo.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Eu acho que vai morar na Toca (Juan Dinenno). A gente tem uma folga e ele vai para Toca. (Perguntamos) ‘O que você fez ontem? Descansou? Ficou em casa?’ Aí ele: ‘Não, não. Cheguei aqui 9 horas da manhã, vim fazer uma voltinha, uma recuperação, um pouquinho de academia.’ Ai (falamos): ‘Mas tem academia em casa’. (Juan Dinenno responde): ‘Não, mas eu gosto de vim para o clube’“, revelou Lucas Romero.

Comentários estão fechados.