Diferença de R$ 92 milhões entre Cruzeiro e Atlético vira alerta

Cruzeiro e Atlético-MG possuem, sem sombra de dúvidas, uma das maiores rivalidades do Brasil. Porém, nos últimos anos o Galo se aproveitou da terrível crise financeira e institucional da Raposa para abrir uma grande distância entre os clubes. Prova disso está na receita gerada com a venda de jogadores em 2023. 

De antemão, vale dizer que o Flamengo lidera a lista com folga. Para se ter uma ideia, o Rubro-Negro foi capaz de gerar R$ 303 milhões com a venda de atletas no ano passado. Destaque para a ida de Matheus França ao Crystal Palace, por R$ 104 milhões, e para o volante João Gomes ao Wolverhampton, por R$ 103,2 milhões. Ambos os clubes são da Inglaterra. 

Cruzeiro e Atlético-MG separados por R$ 92 milhões

Em Belo Horizonte, o Atlético-MG detalhou ter superado a marca de R$ 112 milhões com suas vendas no ano passado. Trata-se, na verdade, de um recorde na história do alvinegro. A negociação mais robusta e polêmica foi a venda do volante Allan ao Flamengo, por R$ 42,6 milhões. 

Já o Cruzeiro, por sua vez, destrinchou ter arrecadado R$ 20,7 milhões com transferências em 2023. A equipe mineira recebeu recursos com as vendas do lateral Geovane Jesus, do volante Wallisson e parte dos direitos econômicos resultantes do atacante Thiago, que havia deixado o clube no início de 2022.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Neste ano, porém, o Cruzeiro, sob a gestão de Pedro Lourenço, caminha para equilibrar as coisas com o Atlético-MG em Belo Horizonte. Até aqui, a Raposa anunciou a contratação do goleiro Cássio, tem tudo apalavrado com o atacante Kaio Jorge e, dentre outros nomes, está deveras interessada em Matheus Henrique. 

Veja o ranking de receita com vendas de jogadores em 2023

  1. Flamengo: R$ 303.000.000,00
  2. Corinthians: R$ 251.027.000,00
  3. Athletico-PR: R$ 241.038.000,00
  4. Palmeiras: R$ 187.020.000,00
  5. Santos: R$ 173.483.000,00
  6. Vasco: R$ 125.021.000,00
  7. São Paulo: R$ 120.724.000,00
  8. Atlético: R$ 112.000.000,00
  9. Botafogo: R$ 82.978.000,00
  10. Internacional: R$ 77.003.000,00
  11. América: R$ 62.435.387,00
  12. Grêmio: R$ 49.540.000,00
  13. Fortaleza: R$ 34.265.000,00
  14. Cruzeiro: R$ 20.714.000,00
  15. Cuiabá: R$ 17.252.050,00
  16. Fluminense: R$ 16.107.000,00
  17. Bahia: R$ 5.624.000,00
  18. Goiás: R$ 4.565.449,00
  19. Coritiba: R$ 3.181.675,00

Comentários estão fechados.