Detalhe envolvendo a crise no Cruzeiro é motivo de alerta na torcida

Ronaldo Nazário assumiu o comando do Cruzeiro ainda em dezembro de 2021. Após um primeiro ano de pura magia com o clube, quando a Raposa conquistou o acesso à Série A do Brasileirão, as temporadas seguintes não foram tão boas. 

No ano passado, o Cruzeiro lutou até a penúltima rodada para evitar o rebaixamento à Série B. No final das contas, conseguiu. Neste ano, porém, as coisas voltaram a desandar e, em favor da verdade, o clima interno na Toca da Raposa nunca foi tão tenso.

Cruzeiro vive a pior crise desde a chegada de Ronaldo

Bastidores do Cruzeiro apontam que o clube de Ronaldo vive a sua pior crise desde o início da gestão do empresário. O clímax para este momento foi a saída de um dos homens de confiança do Fenômeno. Na última quinta-feira (25), a diretoria anunciou a saída de Pedro Martins, então diretor executivo de futebol.

Pedro Martins foi uma das primeiras pessoas convidadas por Ronaldo para fazer parte da diretoria, ao lado do CEO Gabriel Lima. No entanto, o trabalho do profissional gerou duras críticas da imprensa e da torcida, em especial após resultados vexatórios e demissões constantes de treinadores. 

Apesar de ter um elenco mais forte nesta temporada em comparação com o ano passado, o Cruzeiro vem de um momento traumático. O time foi eliminado na primeira fase da Copa do Brasil, perdeu a final do estadual para o Atlético em pleno Mineirão lotado de cruzeirenses, e amargou uma sequência de três empates consecutivos na Copa Sul-Americana

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Aí nem tempo, Vale lembrar que o Cruzeiro voltará a campo no próximo domingo (28), ÀS 16 horas, para encarar o Vitória, no Mineirão. O Confronto será válido pela quarta rodada da Série A do Brasileirão. 

Comentários estão fechados.