Cruzeiro só depende de liberação da CBF para ter reforço disponível

Como todos bem sabem, o Cruzeiro atravessa um momento de profunda reformulação para a temporada de 2024. Isso porque o clube mineiro anunciou a demissão do técnico Nicolás Larcamón e confirmou a contratação de Fernando Seabra para a vaga. 

Aliás, a rescisão de Fernando Seabra com Red Bull e Bragantino já foi publicada no Boletim Informativo Diário da CBF. Agora, o Cruzeiro aguarda o registro do treinador junto à Confederação Brasileira de Futebol e à Conmebol para tê-lo à beira de campo nos próximos jogos.

Cruzeiro pode ficar sem treinador na Sul-Americana

Não custa lembrar que o próximo compromisso do Cruzeiro será na noite desta quinta-feira (11), às 21h, contra o Alianza, da Colômbia. A partida, válida pela segunda rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana, será disputada no Gigante da Pampulha. 

Ainda não se sabe, porém, se Fernando Seabra será inscrito como técnico do Cruzeiro para a partida. Isso porque o regulamento da Conmebol exige que os treinadores da Sul-Americana tenham licença PRO da entidade, o que não é o caso de Seabra.

Desta forma, o Cruzeiro trabalha com duas possibilidades. A primeira é conseguir uma licença provisória junto à Conmebol, através de documentos enviados por meio da CBF. A outra opção seria escrevê-lo como auxiliar técnico. Neste caso, Paulo Autuori deve assinar a súmula da partida como treinador. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O Cruzeiro ainda vai se posicionar oficialmente sobre a situação. Fernando Seabra comandará sua última atividade antes da partida contra o Alianza nesta quarta-feira (10). A estreia da Raposa no Brasileirão, por sua vez, será no domingo (14), às 17h, contra o Botafogo, no Mineirão.

Comentários estão fechados.