Wesley Safadão mal acertou para jogar na Série D e já foi barrado pelo clube

O cantor de forró Wesley Safadão, de 35 anos, tomou decisão importante na carreira musical, decidiu apostar no futebol, mas já foi barrado em novo clube. Um dia depois de acertar para disputar a Série D, Safadão já foi cortado de lista por treinador, que não está tanto para as brincadeiras e as chances de vermos o artista dentro de campo estão menores.

Waguinho Dias, treinador do Treze, da Paraíba, quebrou o silêncio um dia após o anuncio da contratação de Wesley Safadão. A negociação aconteceu em jogada de marketing, onde a empresa Betvip, que tem como um dos sócios o artista, se tornar patrocinadora máster da equipe da Série D. Em entrevista coletiva, o treinador parabenizou a equipe de marketing do clube.

“Essa situação muito bem feita, ele foi feliz na hora de falar. Mas é uma maneira de falar, de marketing de. Aqui no Treze somos muito profissionais. Diretoria sabe como buscar, quem buscar e somos consultados. É uma situação que fico feliz, porque uma pessoa como é Wesley, que representa toda essa cultura do Nordeste, e vestir a camisa do Treze como veste, estar feliz com ela, para nós é uma honra”, disse Waguinho Dias.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O treinador está focado na campanha do Treze na Série D e não quer saber de “jogo festivo” com Wesley Safadão. “Ele falou num tom de brincadeira e é muito importante ele falar sempre do Treze. Mas não tem como, em um clube profissional como Treze, que busca o acesso, fazer coisas que não cabem ao profissionalismo”, complementou.

Comentários estão fechados.