Volante escondido no Azerbaijão resolveria os problemas de Larcamón no Cruzeiro

Nicolás Larcamón ainda não está completamente satisfeito com o elenco do Cruzeiro para a temporada de 2024. Tanto assim que o clube fará mais contratações nesta janela de transferências, que, a saber, vai até o dia 7 de março. Por enquanto, oito reforços foram anunciados. Confira:

  • Léo Aragão (Goleiro)
  • Zé Ivaldo (Zagueiro)
  • Lucas Villalba (Zagueiro)
  • Lucas Romero (Volante)
  • José Cifuentes (Volante)
  • Gabriel Veron (Atacante)
  • Rafa Silva (Atacante)
  • Juan Dinenno (Centroavante)

No momento, a prioridade da diretoria é por trazer mais reforços ofensivos. Isso porque, além de ter sido o pior setor do time no ano passado, o clube se desfez de quase todos os atacantes remanescentes. Não custa lembrar que Gilberto e Bruno Rodrigues já deixaram o Cruzeiro. Wesley fará o mesmo.

Volante escondido no Azerbaijão tem encantado Larcamón

Acontece que um volante escondido no Azerbaijão tem chamado atenção por conta de suas exibições. Júlio Romão pode ser um nome ainda pouco conhecido no Brasil, mas, mesmo com os 25 anos, tem mostrado um futebol de gente grande e apresentando as suas credenciais no futebol europeu. 

Atualmente, Júlio defende as cores do Qarabag e é o líder em desarmes da atual edição da Liga Europa, com 16 interceptações para a sua equipe e outras 27 bolas recuperadas. Um detalhe: tudo isso em cinco partidas apenas. 

Considerando todas as competições, Júlio Romão defendeu as cores do Qarabag em 32 jogos na atual temporada e marcou um gol. Ele tem contrato assinado até meados de 2026 e, no momento, não pensa em atuar no futebol brasileiro.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Do lado do Cruzeiro, o time de Nicolás Larcamón entrará em campo na noite desta quinta-feira (15), às 20h, para encarar o América, no Mineirão. A partida, válida pela quinta rodada do Estadual, ficará marcada pela presença de Ronaldo Fenômeno nas arquibancadas do Gigante da Pampulha.

Comentários estão fechados.