Ronaldo Fenômeno tentou voltar a jogar futebol em 2024 e acabou goleado por 7×0

Ronaldo Nazário escreveu uma importante história no futebol mundial e, ao certo, pode ser considerado um dos maiores de todos os tempos. Aliás, não foi à toa que recebeu a alcunha de Fenômeno durante a sua passagem pela Internazionale de Milão. Além do clube italiano, o eterno camisa 9 do Brasil também vestiu as camisas de Cruzeiro, PSV, Barcelona, Real Madrid, Milan e Corinthians

Destaca-se que Ronaldo teve uma carreira marcada por graves lesões, o que não impediu, porém, de ter conquistado grandes títulos; a Copa do Mundo de 2002 certamente foi a taça mais importante. Para se ter uma ideia, naquela edição do torneio, o Fenômeno marcou oito gols em sete jogos, incluindo os dois na final contra a Alemanha. 

Ronaldo Fenômeno decide voltar a campo

Recentemente, Ronaldo Fenômeno decidiu arrumar um tempinho na sua agenda para calçar mais uma vez as chuteiras e matar a saudade de jogar bola. O ex-atacante da Seleção Brasileira participou de um jogo do Phoenix, clube da quarta divisão da Inglaterra.

Ronaldo não ficou muito tempo em campo, mas mostrou um pouco das qualidades que lhe renderam o apelido de Fenômeno. No entanto, ele não conseguiu evitar a derrota do seu time. Entrou quando o placar marcava 4 a 0 para o adversário e, em campo, ainda viu a equipe sofrer mais três gols. Ao apito final, 7 a 0. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Ainda em tempo, vale citar um fato que chamou atenção na partida. Ronaldo Fenômeno, apesar de ser um dos maiores jogadores da história do futebol e um dos atacantes mais temidos e respeitados do mundo, usou a camisa 17 e não a 9 que o consagrou.

Comentários estão fechados.