Pepa volta a ser assunto no Cruzeiro por motivo surpreendente

A passagem de Pepa pelo Cruzeiro ficou marcada por um futebol digno e consistente, mas também por números ruins. Tanto assim que o treinador português foi demitido em agosto e, logo em seguida, Zé Ricardo foi anunciado em seu lugar. 

Bom, o torcedor certamente irá se lembrar que tudo ficou pior com a saída de Pepa. O time do Cruzeiro caiu de produção e por pouco não caiu de divisão. Aliás, a Raposa se livrou do risco do rebaixamento apenas na penúltima rodada do Brasileirão

Pepa volta a ser assunto no Cruzeiro

O fato é que o nome de Pepa voltou a ser assunto no Cruzeiro, mas não sobre especulação de um retorno do treinador ao clube. Acontece que Nicolás Larcamón busca quebrar uma antiga marca negativa do clube. A saber, a Raposa não vence três jogos consecutivos há dez meses. 

A última vez que isso aconteceu foi entre 22 de abril e 6 de maio, sob o comando de Pepa. Na ocasião, o Cruzeiro venceu quatro partidas, uma pela Copa do Brasil e três pela Série A do Campeonato Brasileiro: Grêmio (1 a 0, no Brasileiro), Náutico (2 a 0, na Copa do Brasil), Bragantino (3 a 0, no Brasileiro) e Santos (2 a 1, no Brasileiro).

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Agora, o Cruzeiro precisa vencer o Tombense no domingo (10), às 19h30, no Ipatingão, para aumentar a vantagem sobre o adversário na semifinal do Campeonato Mineiro e, de quebra, encerrar esse longo tabu. 

Em caso de vitória, a Raposa chegará ao terceiro triunfo seguido na temporada. Nas duas últimas rodadas, vitória celeste sobre Pouso Alegre e Uberlândia.

Comentários estão fechados.