Não conseguiu jogar tudo que sabe pelo Cruzeiro e virou referência no novo clube em 2024

O Cruzeiro não conseguiu fazer uma boa temporada no ano passado, mas, no final das contas, alcançou os objetivos traçados: assegurou a permanência na Série A do Brasileirão e ficou com uma das vagas na Copa Sul-Americana

Para 2024, a diretoria mineira fez uma repaginação no elenco. Com isso, diversos jogadores deixaram a Toca da Raposa. Alguns deles, inclusive, têm se destacado por suas novas equipes. 

Deixou o Cruzeiro e agora virou referência em novo clube

Este é o caso do meio-campista Nikão, que chegou ao Cruzeiro em 2023, assumiu a camisa 10, mas não conseguiu mostrar todo o seu futebol. Não custa lembrar, porém, que o meia foi o autor do gol de empate contra o Palmeiras, pela última rodada do Brasileiro do ano passado. O tento garantiu a vaga da Raposa na Sul-Americana. 

Após deixar o Cruzeiro, Nikão acertou sua volta ao São Paulo, a pedido do então técnico Dorival Júnior. Porém, com a ida do treinador à Seleção Brasileira, o meia foi negociado com o Athletico, onde é ídolo. 

Por lá, o meio-campista tem ganhado cada vez mais espaço. Porém, a sua atuação vai muito além disso. De acordo com o técnico Cuca, Nikão é uma referência dentro do elenco e tende a ser mais acionado no time titular nos próximos jogos. “É gradativo, ele vai entrando um pouco mais e vamos ver no decorrer dos trabalhos”, afirmou

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Do lado do Cruzeiro, não custa lembrar que Matheus Pereira herdou a camisa 10 no time. O meia, aliás, tem feito jus à numeração e é o grande nome do time mineiro neste ano. 

Comentários estão fechados.