Júlio Baptista não deixou situação passar em branco e defendeu Ronaldo Fenômeno

O ex-jogador Júlio Baptista, campeão do Brasileirão pelo Cruzeiro em 2013 e 2014, não deixou o amigo Ronaldo Fenômeno ser criticando gratuitamente e saiu em defesa do antigo gestor do Cruzeiro. Dono da SAF do Cabuloso até o final de abril, R9 vem sendo alvo de críticas pela gestão no Valladolid, na Espanha, que em poucos anos foi rebaixado duas vezes para a segunda divisão.

Aposentado, Júlio Baptista está com 42 anos e é o treinador do time B do Valladolid. Em entrevista ao jornal Marca, da Espanha, o ex-meia saiu em defesa do chefe. O Valladolid está de volta a primeira divisão após boa campanha sendo comandado por Paulo Pezzolano.

“O que ele fez como presidente foi pouco exposto. Não foi comunicado o quanto ele fez. Se tivesse sido, as pessoas o amariam muito mais. Seus feitos não são conhecidos nas ruas. Nestes cinco ou seis anos, muitas coisas boas foram feitas. Agora é um clube mais estável financeiramente, mas não é fácil se manter sempre na Primeira Divisão”, afirmou Baptista.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Ainda na declaração, o ex-jogador do Cruzeiro rasgou elogios ao atacante Vinícius Junior, do Real Madrid, que está sendo cotado a Bola de Ouro de 2024. “Ele alcançou uma consistência tremenda em jogos importantes, e apenas os melhores conseguem isso. A Bola de Ouro, este ano, não tenho dúvidas de que daria a ele. Entre ele e o Bellingham, acho que daria ao Vini por ser mais diferencial em jogos importantes.”, completou.

Comentários estão fechados.