Ex-treinador de Ronaldo Fenômeno revela porque ele saiu do Real: “Sempre rodeado de mulheres”

O empresário Ronaldo Fenômeno, dono de 90% das ações da SAF do Cruzeiro, está aposentado dos gramados desde 2011, mas teve seu nome veiculado na imprensa internacional nos últimos dias após entrevista polêmica do treinador Fabio Capello, que treinou o ex-jogador no Real Madrid, da Espanha.

Com frequentes problemas de manter o peso ideal na reta final da carreira, Ronaldo foi mandado embora do Real Madrid pelo treinador, que mandou recado para Silvio Berlusconi, presidente do Milan em 2007, mas não foi ouvido.

Capello revelou que Ronaldo estava acima do peso nos tempos de Real Madrid e estava influenciando outros jogadores do elenco a não ficar focado nos jogos. “[Ronaldo] Gostava de festejar, e os outros companheiros seguiam-no. Van Nistelrooy me disse que o vestiário cheirava a álcool”, disparou o treinador.

Ainda na declaração, Capello relevou que pediu para Ronaldo emagrecer, já que estava pesando 94kg. Quando venceu a Copa do Mundo de 2002 pela Seleção Brasileira, R9 pesava 82kg. “Em fevereiro de 2007, decidi despedir Ronaldo. Era alguém que gostava de festas e envolvia todo o grupo. Ronaldo pesava 94 quilos naquele ano. Na Copa de 2002, pesava 82. Pedi para que baixasse de peso, mas chegou a 92,5”, falou o técnico italiano.

Para finalizar, Capello contou que Berlusconi o ligou para saber informações de Ronaldo. O técnico deu opinião negativa, mas não foi ouvido. “Berlusconi me ligou um dia para pedir um conselho sobre uma hipotética compra. Eu o desaconselhei, disse que (Ronaldo) era um festeiro, que só pensava em mulheres. Berlusconi me disse: “Obrigado, Fabio”. No dia seguinte, Ronaldo estava no Milan.”, completou.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Na carreira, Ronaldo jogou por Cruzeiro, PSV, Barcelona, Inter de Milão, Real Madrid, Milan e Corinthians. O atacante deixou os campos em 2011 após polêmicas com a forma física fora do esperado para um jogador de futebol.

Comentários estão fechados.