Ex-Cruzeiro, Dinei cita drama familiar para falar que pensa sobre Daniel Alves e Robinho

Durante a semana, o mundo assistiu boquiaberto os desdobramentos das condenações de Daniel Alves e Robinho. O primeiro conseguiu uma liberdade provisória na Espanha ao pagar uma fiança de 1 milhão de euros. O segundo foi preso na noite da última quinta-feira, 21 de março, no Brasil. 

Ex-jogador do Cruzeiro, Dinei usou as redes sociais para comentar sobre os casos e, diga-se, não mediu as palavras para condenar ambos os acusados. O ex-atacante citou a tentativa de esturpor sofrida pela filha em 2010 e defende a pena imposta pela Justiça para Robinho e Daniel Alves. 

Daniel Alves responde em liberdade, Robinho cumprirá 9 anos de prisão

Dinei publiciu um vódel em suas redes socisi em que recordou a tentativa de estupro sofrida pela filha há 14 anos. Em janeiro de 2010, a jovem tinha apenas 16 anos e foi abordada por um homem na rua. Ela só foi salva por uma senhora que, ao notar o início da ação do criminoso, começou a gritar e pediu ajuda. 

O ex-atacante do Cruzeiro falou sobre o caso e fez questão de trazer à tona o impacto psicológico que a situação causou em sua filha.

“Vou falar do caso desses estupradores, tanto Robinho quanto Daniel Alves. Não tem que chamar eles de ex-jogadores não. Eles tem que pagar pena sim. Eu tive isso na minha família com a minha filha em 2010. Tentativa de estupro. E vocês não sabem o que minha filha passou. Vocês não sabem o que essas meninas [vítimas] estão passando. A dor que essas famílias [das vítimas] estão passando”, disse.  

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Daniel Alves foi condenado a quatro anos e seis meses de prisão na Espanha, mas, após pagar uma fiança de cerca de R$ 5,5 milhões, conseguiu liberdade provisória até que o caso seja julgado por todas as instâncias. Robinho foi preso na quinta-feira (21), no Brasil, e cumprirá pena de nove anos por estupro coletivo. 

Comentários estão fechados.