Este era o salário incrível que Walter ganhou para jogar no interior gaúcho

Ex-atacante do Cruzeiro, Walter teve a sua saída oficializada no Pelotas-RS, o seu último clube. Aos 33 anos. O jogador pediu para ela deixar a equipe após entrar em discussão pesada com os torcedores. Tudo aconteceu após um pênalti perdido pelo centroavante, que influenciou na eliminação do time durante as quartas de final da Divisão de Acesso. 

Não custa lembrar que Walter chegou ao Pelotas como uma das principais contratações para a temporada. de acordo com informações de bastidores, o atacante tinha direito a algo em torno entre 5 a 10 mil reais por mês. Vale dizer que essa quantia estava dentro da realidade orçamentária do clube.

Walter abre o jogo e revela bastidores da saída

Walter ainda tinha encontrado alguns mecanismos com base em metas estipuladas. Porém, o atacante não conseguiu alcançar os objetivos, já que passou a maior parte do tempo no banco de reservas. Não a tua, ele foi duramente criticado pelos torcedores e a situação do pênalti perdido foi a gota d’água.

A permanência de Walter no time tornou-se sustentável e, por isso, o centro à noite pediu para deixar o clube. “Walter está liberado dos treinamentos e para procurar um novo clube. O clube agradece ao jogador pelo serviço prestado e deseja sucesso no restante da carreira”, escreveu o Pelotas.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Por outro lado, Walter vivo entrevista para a GZH, também comentou sobre a sua saída do Pelotas. Para o atacante, a situação não saiu como esperado. Porém, apesar de ter lamentar do pênalti perdido, o jogador destacou que isso faz parte do futebol

“Estou muito triste, minha cabeça está mal. São pessoas que confiavam na gente. Estou há três dias sem dormir. Sei que, por ter o nome mais forte, a responsabilidade cai para mim. Se eu faço o pênalti, sou o cara. Se erro, não valho nada. Foi uma bomba que caiu na minha mão. Futebol é assim”, disse.

Comentários estão fechados.