Corinthians recebeu mais um não e motivo foi explicado pessoalmente

O Corinthians está vivendo grave crise política e financeira, tentou a contratação de executivo renomado no Brasileirão, mas recebeu não justificado. Buscando organizar a casa, o Timão tentou a contratação de Marcelo Paz, CEO do Fortaleza, que recusou o convite e deu as razões para querer continuar no clube cearense, que hoje é referência de gestão.

Marcelo Paz foi convidado pelo presidente Augusto Melo, para fazer parte da direção do Timão, mas recusou a proposta. Em entrevista Paz explicou que está focado no projeto do Fortaleza, que está disputando a Série A pelo sexto ano seguido, recorde do futebol nordestino.

“Houve o convite do presidente Augusto Melo. Ele me ligou, e fez a proposta, mas eu estou convicto de que o momento é de permanecer no Fortaleza. Eu tenho um trabalho aqui, tem um projeto novo, a SAF do Fortaleza foi criada há pouco tempo, o clube tem seus objetivos e estamos no meio de uma temporada”, disse Marcelo Paz.

O Corinthians está na décima oitava colocação do Brasileirão, com nove pontos em 12 rodadas e vê crise crescer no clube. Antonio Oliveira, treinador da equipe, pode ser demitido após a rodada deste final de semana em caso de derrota para o Palmeiras. Torcedores temem que aconteça no Timão o mesmo acontecido no Cruzeiro em 2019.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O Cruzeiro volta a campo neste domingo (30), contra o Flamengo, no Maracanã, pela décima terceira rodada do Brasileirão, às 18h30. A Raposa está na quinta colocação com 20 pontos e vem de vitória diante do Athlético-PR.

Comentários estão fechados.