Às vésperas das Olimpíadas, Cruzeiro terá 3 medalhistas de ouro no elenco

O Cruzeiro está se destacando dentro de campo pelo desempenho no Brasileirão de 2024, brigando nas cabeças por vaga no G4, está apostando em contratações de alto rendimento e terá três medalhistas de ouro no elenco. Fechando com jogadores de alta rodagem, a Raposa vai poder aproveitar as Olimpíadas de Paris com tranquilidade, com início previsto para o final de julho.

Contando com grandes aportes de Pedro Lourenço, o Cruzeiro já contratou sete jogadores para a próxima janela de transferências: Cássio, Jonathan Jesus, Matheus Henrique, Wallace, Fabrízio Peralta, Kaio Jorge e Lautaro Diáz. Com os novos nomes, a Raposa tem três medalhistas olímpicos no plantel.

O primeiro deles é o lateral-direito Willian, que já está no clube desde o começo de 2023 e fez parte do grupo campeão no Rio de Janeiro em 2016. A Raposa também tem Wallace, que trabalhou junto com Willian e fez parte da mesma conquista. E por último está Matheus Henrique, volante que veio da Sassuolo, que venceu o Ouro em 2021 nas Olimpíadas de Tóquio.

Em 2016, o Brasil empatou por 1 a 1 com a Alemanha, no Maracanã, no Rio de Janeiro. Depois da prorrogação, a Seleção Brasileira o título nos pênaltis, com vitória por 5 a 4. Já em 2020, o Brasil venceu a Espanha por 2 a 1 na grande decisão, disputada no Estádio Internacional de Yokohama, na Região Metropolitana de Tóquio.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Dudu tomou decisão e não conseguiu dormir

Em declaração recente, o técnico Abel Ferreira confirmou que Dudu ficou três noites sem dormir enquanto estava vivendo a indecisão entre jogar ou não no Cruzeiro. “Ele não dormiu três noites. Não está na sua plenitude física. Há alguns dias tiveram coisas que mexeram com ele. O sono não foi o melhor. E não responderei mais sobre Dudu. Ele é jogador do Palmeiras como qualquer um outro”, disse Abel Ferreira, em entrevista ao SporTV.

Comentários estão fechados.