Anderson Daronco fez revelação bombástica sobre o clássico mineiro

O árbitro Anderson Daronco, famoso no Brasil nos últimos anos pela força muscular excessiva, fez revelação bombástica nas últimas semanas sobre o clássico mineiro. A fala do apitador gaúcho caiu como uma bomba no noticiário de Minas Gerais um dia antes da primeira partida da final do Campeonato Mineiro de 2024, entre Atlético-MG e Cruzeiro.

Atlético e Cruzeiro se enfrentam neste sábado (30), na Arena MRV, às 16h30, pela primeira partida da final do Campeonato Mineiro, com presença única de atleticanos. O jogo da volta acontece no dia 7 de abril, no Mineirão, apenas para cruzeirenses, que deve ter publico superior aos 60 mil presentes.

Em declaração, Daronco apontou que o pior clássico de apitar no Brasil é o Grenal, entre Grêmio e Internacional, destacando que a rivalidade no Rio Grande do Sul é muito grande. “É o pior de todos, é o mais difícil. Pela rivalidade, é muito grande”, afirmou o árbitro de 43 anos.

No entanto, o árbitro afirmou que entre os mais difíceis estão Cruzeiro e Atlético, levando em conta também Corinthians x Palmeiras.

“Eu não queria entrar nesse mérito (pior clássico), não. Mas eu posso pontuar, já apitei todos os clássicos do futebol brasileiro. E acho que depois do Gre-Nal, vem, pelo menos das experiências que tive, o Atlético-MG x Cruzeiro. Foi muito difícil atuar também nesse jogo. E Corinthians x Palmeiras também”, finalizou.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Presente de páscoa para a torcida do Cruzeiro

Natural de Itaúna, interior de Minas Gerais, o atacante John Kennedy revelou ser torcedor do Cruzeiro. “Na minha infância, por influência da família, eu nutria um carinho especial pelo Cruzeiro. Contudo, após minha chegada ao Fluminense, minha lealdade se firmou com o Tricolor. Atualmente, meu coração é totalmente Fluminense”, declarou o jogador do Fluminense.

Comentários estão fechados.