Alexandre Mattos revela único motivo para Júnior Santos não ter vindo pro Cruzeiro

O CEO de futebol do Cruzeiro, Alexandre Mattos, está trabalhando nos bastidores para montar um elenco potente para o técnico Fernando Seabra, não conseguiu contratar o atacante Júnior Santos, que renovou o contrato com o Botafogo até 2027. Em declaração recente, Mattos revelou o único motivo para a contratação não ter sido concretizada.

De acordo com Mattos, a maior dificuldade na negociação pelo atacante foi a janela de transferências está fechada até o dia 10 de julho, que dificultaria uma reposição pelo Botafogo. O jogador queria ir ao Cruzeiro, já que as condições oferecidas pelo clube carioca para uma renovação não estavam agradando.

“É um momento duro. Nós estamos no meio temporada, começamos a trabalhar em maio, janela fechada, os clubes formados. Alguns atletas que a gente tentou investidas não foram possíveis por isso. Teve um que vazou, o Júnior Santos, do Botafogo”, disse Mattos.

Ainda na declaração, o dirigente do Cruzeiro revelou que o Botafogo aceitou conversar para fazer uma negociação, mas depois recuou. “A gente teve um profissionalismo muito grande de conversar, perguntar. O Botafogo aceitou conversar sobre o caso, mas depois recuou. O Botafogo disse claramente: ‘Não é dinheiro, se a gente perder ele não teremos outro. A janela está fechada’. Isso a gente escutou algumas vezes”, finalizou.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

No Cruzeiro desde o começo de maio, Alexandre Mattos está comandando o departamento de futebol e já concretizou quatro contratações: Cássio, Kaio Jorge, Lautaro Diáz e Fabrízio Peralta.

Comentários estão fechados.