Aconteceu e virou manchete: Cruzeiro descartou o “Guardiola brasileiro”

O Cruzeiro atualmente está sendo comandado por Nicolás Larcamón, argentino de 39 anos que trabalhava no León, do México, mas já foi comandado pelo “Guardiola Brasileiro” e descartou grande oportunidade. Em entrevista recente, o ex-jogador Fábio Santos, que se aposentou no final de 2023, rasgou elogios ao treinador.

 Em entrevista ao canal ‘Benja Me Mucho’, Fábio Santos contou das qualidades de Vanderlei Luxemburgo, treinador do Cruzeiro na tríplice coroa de 2003. A última passagem do treinador pelo Cabuloso aconteceu em 2021, antes da chegada da SAF, pela Série B. Luxemburgo foi desligado do cargo após o final da temporada.

“Às vezes, os estrangeiros não conheciam a história dele. Eu falava: ‘Esse cara foi o Guardiola do futebol brasileiro, durante muitos anos’. E eu não poderia encerrar minha carreira sem trabalhar com o Vanderlei. Um cara muito fácil de lidar no dia a dia. Um cara sensacional. Gostei muito de ter trabalhar com ele”, disse Fábio Santos.

Ainda na resposta, Santos contou que o treinador pode não tá tendo sucesso nos últimos trabalhos pela falta de disposição da experiência. “Ele já não tem a mesma disposição que tinha antes. Tinha um auxiliar que tocava as coisas para ele. O Vanderlei tinha uma mania de mostrar muitas coisas no dedo. Eu falava: ‘Os meninos não entendem dessa forma’. Se fala para mim, para o Renato, para o Gil, a gente entende. ‘Porr*, esses moleques, não sei o que’. Isso é vídeo. Tem que pegar pelo braço. É a nova geração”, afirmou o ex-jogador.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Comentários estão fechados.