A mensagem enigmática de Matheus Pereira que gerou calafrios nos Cruzeirenses

Matheus Pereira tem sido o grande nome do Cruzeiro e, grosso modo, um dos melhores jogadores desta temporada no futebol brasileiro. Para se ter uma ideia, em 24 partidas disputadas até aqui, o meia soma cinco gols e oito assistências. 

Acontece que a torcida celeste está receosa sobre a chance de perder Matheus Pereira neste mês. Isso porque o camisa 10 está no clube através de um empréstimo do Al-Hilal, com contrato válido apenas até o dia 30 de junho. Há, nos bastidores, um acordo encaminhado para a aquisição definitiva do atleta. No entanto, até o momento, nenhum documento foi assinado. 

Matheus Pereira postou mensagem enigmática

Matheus Pereira chegou ao Cruzeiro em meados do ano passado, com status de maior contratação da Era Ronaldo no clube. Porém, o meio-campista não teve dias fáceis na Toca da Raposa. Basta lembrar que, em seu primeiro jogo como titular, o jogador sofreu uma grave lesão que o tirou de campo por cerca de dois meses. 

A lesão aconteceu na partida contra o Botafogo, no Mineirão, pela 18ª rodada do Brasileirão de 2023. No dia em questão, Matheus Pereira fez questão de compartilhar uma mensagem enigmática que deixou a torcida celeste com calafrios. O meia antecipou que seria titular pela primeira vez no Cruzeiro. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Porém, como mencionado, apesar de ter feito uma boa partida, aquele jogo ficou marcado pela lesão de Matheus Pereira, que voltou a campo apenas na reta final do Brasileirão e, diga-se de passagem, foi crucial para evitar o rebaixamento celeste à Série B.

Ainda em tempo, vale lembrar que o Cruzeiro voltará a campo nesta quinta-feira (13), às 19h, para encarar o Cuiabá, em jogo da oitava rodada do Brasileirão. A partida será disputada no Mineirão e, caso acionado, Matheus Pereira alcançará a marca de sete jogos pela Raposa na Série A e, com isso, não poderá mais defender outro clube nesta edição do torneio. 

Comentários estão fechados.