Vini Jr mostra humildade e pede desculpas ao povo brasileiro

O atacante Vini Jr, da Seleção Brasileira, esteve presente no elenco que disputou a Copa América de 2024 nos Estados Unidos, que foi eliminada no último sábado (6), nos pênaltis, para o Uruguai. Com desempenho abaixo do esperado, vindo de grande temporada no Real Madrid, o atacante mostrou humildade e fez declaração pedindo desculpas ao povo brasileiro.

Vinicius Junior se manifestou nesta terça-feira, três dias depois da eliminação do Brasil nas quartas de final pelas redes sociais. O jogador admitiu ter errado ao tomar cartão amarelo e ter sido suspenso, não participando do jogo eliminatório.

“Falhei ao tomar dois cartões amarelos evitáveis. Novamente assisti à eliminação do lado de fora. Mas, dessa vez, por culpa minha. Peço desculpas por isso. Sei ouvir as críticas e as mais duras, acreditem, vêm de dentro de casa. Minha trajetória na seleção, felizmente, está só começando. Ao lado dos meus companheiros, terei chance de recolocar nossa Seleção no lugar que merece”, escreveu Vini em publicação.

Sem poder contar com Neymar, se recuperando de lesão no joelho, a cobrança em cima de Vini Jr era grande, esperando que ele comandasse a Seleção Brasileira, que vem de seguidos resultados negativos e dificuldades nas eliminatórias para a próxima Copa do Mundo. O Brasil não vence a Copa desde 2002 e a Copa América desde 2019.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Com a eliminação do Brasil, ainda estão vivos na Copa América: Argentina, Canadá, Colômbia e Uruguai. Os confrontos da fase semifinal vão começar a acontecer nesta terça-feira (9), entre Argentina e Canadá, às 21 horas, no Metlife Stadium.

Comentários estão fechados.