Time que humilhou o Atlético-MG não será problema pro Cruzeiro na Sul-Americana 2024

O Cruzeiro recebeu duas boas notícias sobre a Sul-Americana de 2024. A primeira delas é que a equipe mineira será cabeça de chave no sorteio. Isso porque a Universidad Católica, do Chile, foi eliminada do torneio na última terça-feira (5) e, com isso, a Raposa foi alçada de patamar. Em resumo, o time celeste estará do lado mais forte na hora do sorteio que acontecerá em março. 

Além disso, o Cruzeiro também não precisará se preocupar com um antigo algoz do Atlético-MG. A saber, trata-se do Jorge Wilstermann, da Bolívia, que também foi eliminado da Sul-Americana na terça-feira, em disputa de pênaltis com o Real Tamayapo. 

Cruzeiro de olho em sorteio da Sula

Como mencionado, o Jorge Wilstermann foi um verdadeiro carrasco na história do Atlético-MG. Os times se enfrentaram na Libertadores de 2017. O Galo se tornou o primeiro clube brasileiro a ser eliminado por um boliviano no mata-mata do torneio continental. 

Na partida de ida, disputada na Bolívia, vitória dos donos da casa por 1 a 0. Bastava uma resultado simples no Mineirão para levar a decisão às cobranças de pênaltis. Acontece que o Atlético não marcou um golzinho sequer e a partida terminou 0 a 0. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Do lado do Cruzeiro, como mencionado, o clube aguarda o sorteio da Conmebol, previsto para o final de março. Enquanto isso, o elenco segue concentrado no duelo deste final de semana. A Raposa entrará em campo no domingo (10), às 19h30, para encarar o Tombense, pelo jogo de ida da semifinal do Estadual. A partida será disputada no Ipatingão. 

Comentários estão fechados.