Técnico do Cruzeiro, Pezzolano queria Fábio para 2022

Assim como outros clubes no futebol nacional, o Cruzeiro achou seu comandante ideal fora do Brasil.

Paulo Pezzolano, treinador de 38 anos é Uruguaio, mas sua última passagem foi no México, pelo Pachuca.

Com um estilo de jogo ofensivo, de posse de bola e pressão alta na marcação. É de conhecimento geral, e afirmado pelo próprio treinador, que Paulo, tem uma preferência por goleiros que tenham a característica de jogar com os pés.

Apesar de não ser o melhor dos goleiros em tal quesito, o ídolo da Raposa, Fábio, apesar de seus 41 anos, ainda desempenhava um ótimo papel defendendo o gol da equipe mineira.

O novo técnico do clube, reconhece a qualidade de Fábio e revela que gostaria de ter o atleta a disposição.

“Eu acho que Ronaldo queria o Fábio aqui, eu queria o Fábio aqui, mas precisávamos trocar algumas coisas para ir salvando o Cruzeiro, todos queriam o Fábio aqui”

Para a posição, atualmente o plantel profissional conta com Rafael Cabral, recém contratado para repor o lugar de Fábio, e Lucas França que já estava no clube.

O time de Minas ainda possui o jovem goleiro Denivys das categorias de base e Vinícius de 22 anos, mas este conversa com a direção para deixar o time mineiro. Além disso, possui conversas avançadas para um empréstimo de Gabriel Brazão, goleiro de 21 anos que já possui passagem pela Toca da Raposa.

Apesar de entender o sentimento e carinho da torcida pelo ex-goleiro, Paulo Pezzolano pede apoio da torcida ao novo guarda-redes.

“O mais importante para o goleiro que chegar agora é ter respaldo da torcida, é o mais importante. E todos vamos estar contente se ganharmos. Contamos muito com o apoio da torcida que apoie o novo goleiro e o Cruzeiro nos momentos ruins e momentos bons.”

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.