Samuel Rosa não quis saber e disparou contra o “culpado” pelo empate do Cruzeiro

Nem Zé Ivaldo, nem Larcamón e tampouco o Cruzeiro. Para o cantor e torcedor celeste Samuel Rosa, o empate sem gols com o Tombense, no último domingo (10), tem um culpado: Paulo Cesar Zanovelli, que foi o dono do apito para o jogo de ida da semifinal do Campeonato Mineiro. 

Não custa lembrar que o duelo terminou em 0 a 0 e com dois jogadores do Cruzeiro expulsos. Zé Ivaldo foi o primeiro, ainda aos 33 minutos da etapa inicial. Marlon desceu mais cedo para o vestiário, após dois cartões amarelos na reta final da partida. 

Samuel Rosa levanta suspeita contra árbitro que apitou jogo do Cruzeiro

O fato é que Samuel Rosa não contou conversa e, em um comentário no Instagram, levantou uma suspeita: “Esquema”, escreveu o cantor em uma publicação da Itatiaia sobre o jogo. 

No final das contas, pode-se dizer que o empate não foi um mau negócio para o Cruzeiro, que, como se sabe, tem a vantagem de jogar por duas igualdades e, ainda assim, se classificar. A partida de volta será no final de semana que vem, no Mineirão. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

A Federação Mineira ainda confirmará data e horário do jogo, assim como a equipe de arbitragem para as partidas de volta da semifinal. Vale lembrar que, do outro lado, o Atlético-MG venceu o América por 2 a 0 na Arena MRV e encaminhou a classificação para a final. 

Para a próxima partida, Nicolás Larcamón não poderá contar com Zé Ivaldo e nem com Marlon, duas peças titulares e importantes para o estilo de jogo do treinador. Neris e Villalba devem ser acionados. 

Comentários estão fechados.