Ronaldo decide entrar na política e se candidata à presidência

Ronaldo Fenômeno assumiu o comando da SAF do Cruzeiro em dezembro de 2021, ao se tornar dono de 90% das ações do clube. O restante do percentual fica sob responsabilidade da associação, presidida por Sérgio Santos Rodrigues. 

Acontece que o Cruzeiro terá um novo pleito presidencial em breve. A votação acontecerá no dia 26 de outubro e definirá o substituto de Sérgio Santos Rodrigues no clube. Vale dizer que o atual vice-presidente, Lidson Potsch, tentará a eleição.

Ronaldo será candidato à presidência no Cruzeiro

Até o momento, o Cruzeiro tem duas chapas registradas para a eleição em outubro. Além do grupo liderado por Potsch, há também a chapa “De Palestra a Cruzeiro”, liderada por Ronaldo Granata, que foi vice-presidente na gestão de Wagner Pires de Sá. 

Ou seja, Ronaldo Granata esteve na gestão do clube na pior crise da história. Após toda a diretoria da qual fazia parte renunciar, ele se candidatou a presidente, mas acabou sendo derrotado por Sérgio Santos Rodrigues. 

Ronaldo Granata alegou, em uma carta de renúncia, que foi membro da antiga diretoria do Cruzeiro “apenas no papel”, pois, antes mesmo da posse, havia sido deixado de lado. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Vale destacar que a chapa de Granata conta ainda com Nagib Simões, que concorre a 2º vice-presidente. É importante lembrar que ele foi um aliado de Wagner Pires de Sá e chegou a presidir o Conselho Deliberativo do clube de janeiro de 2021 a abril de 2022.

Em documento enviado aos conselheiros, a chapa “De Palestra a Cruzeiro” afirmou que irá se apoiar em seis pilares fundamentais:

  • Apoio à SAF
  • Gestão técnica e transparente
  • Reestruturação do clube
  • Desenvolvimento do esporte especializado
  • Valorização dos grupos sociais
  • Incentivo à modernização do estatuto

Comentários estão fechados.