Rival do Cruzeiro surpreende com declaração sobre Ronaldo Fenômeno

Adversário do Cruzeiro na noite desta quarta-feira (21), o presidente do Sousa, Aldeone Abrantes, fez um desabafo antes da partida. Em entrevista ao site O Tempo Sports, o gestor disse ter sido torcedor celeste na infância e fez questão de destacar a diferença salarial entre as equipes. 

De antemão, vale dizer que a partida acontecerá às 19h15, no estádio Marizão, na Paraíba. Para avançar à próxima fase, o Cruzeiro precisa pelo menos do empate. Já o Sousa tem que vencer o jogo para seguir vivo no torneio mata-mata. 

Ronaldo está de olho em bolada para o Cruzeiro

Além dos benefícios desportivos, a classificação também representa aos clubes um alívio financeiro. No caso do Cruzeiro, se avançar, o time receberá R$ 1,47 milhão da CBF. O Sousa, por sua vez, ficará com R$ 787,5 mil. O valor representa quase quatro vezes a folha salarial da equipe. 

“Temos uma folha salarial que hoje gira em torno de 200 mil reais. A gente tem um sonho, nós temos um terreno aqui que a nossa meta é iniciar o nosso centro de treinamento. Estamos preparados para esse jogo. Vai ser um bom jogo, só espero que Deus possa nos ajudar. A gente precisa mais do que o Ronaldo Fenômeno”, disse. 

Além disso, Aldeone Abrantes comentou sobre a polêmica com o estádio Marizão. A CBF demorou para reconhecer que o estádio reunia as condições necessárias para sediar a partida. O presidente do Sousa veio à público e afirmou que a demora, na verdade, se dava por conta do interesse de empresas em comprar o mando de campo do duelo. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“No último dia, eu fui pressionado e só tinha até às 17h para confirmar se o jogo seria ou não transferido, mas eu não tinha mais o que fazer no estádio. E eu me expus em rede nacional, trazendo a situação. E, coincidência ou não, 40 minutos depois estava tudo resolvido”, ponderou. 

Ainda em tempo, não custa lembrar que o técnico Nicolás Larcamón contará com algumas voltas no time do Cruzeiro. Ao todo, cinco jogadores que ficaram de fora da última partida do clube estarão à disposição do treinador para a partida de logo mais: Matheus Pereira, Marlon, Lucas Romero, Lucas Silva e Robert.

Comentários estão fechados.