Pezzolano. Foto: Divulgação/Reprodução.

Pezzolano sofre mais uma derrota como treinador do Cruzeiro

A derrota do Cruzeiro para o Vasco, no último domingo (12), no Maracanã, pelo placar de 1 a 0, não quebrou somente a sequência de vitórias que vinha a Raposa, como tirou também das mãos do técnico Paulo Pezzolano o troféu de ‘treinador da rodada’ da Série B do Brasileiro. 

Em votação aberta na página oficial do Twitter da Série B, o uruguaio já foi eleito o melhor técnico da competição da 5ª a 11ª rodada do campeonato, ou seja, sete vezes consecutivas. No entanto, essa sequência memorável foi interrompida.

O jogo de duas derrotas

A sequência de Pezzolano foi quebrada justamente por Emílio Faro, treinador interino que comandou a equipe do Vasco na vitória sobre o Cruzeiro por 1 a 0. No entanto, mesmo com o triunfo diante do líder do campeonato, e com o troféu de melhor técnico da rodada, Faro não comandará mais a equipe carioca. 

Emílio Faro já deixou o cargo de comandante interino do Vasco. Isso porque, a diretoria carioca anunciou, na segunda-feira (13), a contratação do treinador Maurício Souza, ex-auxiliar técnico do Flamengo e do Athletico-PR.

Na enquete online, mesmo tendo deixado o posto momentaneamente, Pezzolano segue na liderança com folga. Com sete troféus, o uruguaio é seguido, não tão de perto, por Guto Ferreira, comandante do Bahia, que foi eleito o treinador da rodada em três oportunidades. Roberto Fernandes, do Náutico, e Emílio Faro (Vasco) venceram uma vez cada. 

Diante da Ponte Preta, nesta quinta-feira (16), às 16h, no Mineirão, tanto Cruzeiro quanto Pezzolano têm a chance de reencontrar o caminho das vitórias. Para isso, ambos poderão contar com o apoio da torcida celeste, que fará uma linda festa no Gigante da Pampulha.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.