Pezzolano se transforma em inspiração para capitão do Cruzeiro virar treinador

Apesar de não ter ficado muito tempo no Cruzeiro, Paulo Pezzolano deixou um imenso legado no clube. Basta lembrar que foi o treinador quem conduziu o time mineiro de volta à elite do futebol nacional, após três anos na série B do Brasileirão.

Durante o período em que esteve na Toca da Raposa, Paulo Pezzolano também criou uma relação amistosa com jogadores. Tanto assim que o ex-zagueiro e capitão do time na campanha do acesso, Eduardo Brock, afirmou que pensa em seguir os passos do técnico uruguaio e, um dia, se tornar também treinador de futebol.

Pezzolano fez escola no Cruzeiro

Vale dizer que, atualmente, Eduardo Brock defende as cores da camisa do Cerro Porteño e, neste ano, disputará a Copa Libertadores. Apesar de ainda não pensar em aposentadoria, o zagueiro de 32 anos afirmou que tem o objetivo de se tornar treinador de futebol. Quando isso acontecer, Pezzolano certamente será o seu tutor.

“Estou fazendo o curso de treinador na AFA. As aulas são online, e isso facilita muito. Se eu for treinador, quero ser como o Pezzolano. Ele é intenso e vive o jogo. Já falei que quero passar uns meses aprendendo como ele faz”, disse. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Ainda em tempo, vale lembrar que Eduardo Brock esteve no Cruzeiro durante dois anos e, antes de viver a glória do acesso, passou pelo triste período da Série B de 2021. Ele deixou o clube no início do ano passado, quando acertou sua ida ao Cerro. 

Contudo, como mencionado, foi em 2022 que Eduardo Brock viveu a redenção celeste. Ele foi o capitão do Cruzeiro durante aquela temporada e deixou seu nome escrito na história do clube, afinal, trata-se do ano do acesso.

Comentários estão fechados.