Pedro Lourenço faz admissão bombástica sobre Mineirão ser só do Cruzeiro

Pedro Lourenço tornou-se dono da SAF do Cruzeiro em abril deste ano e, de lá para cá, o clube mudou drasticamente a sua postura nos bastidores. Basta citar que, nesta janela, a equipe estrelada foi a que mais investiu nos reforços. Ao todo, a Raposa gastou mais de R$ 180 milhões. 

No entanto, pode-se dizer que, maior do que todos os reforços anunciados, Pedro Lourenço revelou uma notícia capaz de fazer todo torcedor chorar de alegria. Isso porque, nesta terça-feira (2), o empresário foi enfático e afirmou que trabalhará para que o Mineirão seja do Cruzeiro. 

Pedro Lourenço assume desafio do Mineirão ser do Cruzeiro

Em entrevista na Toca da Raposa II, em Belo Horizonte, ele destacou a possibilidade de construir um novo estádio, o que já havia sido pautado na gestão de Ronaldo. Porém, de acordo com Pedro Lourenço, o projeto está “fora de cogitação”. 

“O Mineirão vai ficar por minha conta, eu vou tratar desse assunto. Fazer estádio é fora de cogitação, nós temos o Mineirão. Eu vou tratar do assunto Mineirão. Não é prioridade o Mineirão. Eu não estou preocupado, temos contrato até o fim de 2025″, afirmou.

Em seguida, Pedro Lourenço afirmou que o contrato com a Minas Arena com o Cruzeiro não é bom, mas que é preciso respeitar o que foi assinado. 

“A ideia é do Mineirão ser do Cruzeiro. Mas temos que respeitar a Minas Arena, que gastou dinheiro e fez o Mineirão. O contrato é muito ruim para o Cruzeiro, muito ruim mesmo. Vou tentar melhorar esse contrato e ver o que fazer para o futuro. A ideia é o Mineirão ser nosso. Essa batata quente vai ficar comigo”, encerrou.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Ainda em tempo, cumpre dizer que, neste ano, o Cruzeiro tem uma campanha perfeita no Mineirão em jogos da Série A do Campeonato Brasileiro. Até aqui, são cinco jogos e cinco vitórias. A próxima partida, porém, será fora de casa, contra o Criciúma, em Santa Catarina. O jogo acontecerá nesta quarta-feira (3), às 20h, e será válido pela 14ª rodada do Brasileirão.

Comentários estão fechados.