Parceria de longa data? Cruzeiro confirma retorno de última hora

O Cruzeiro está trabalhando forte nos bastidores para voltar aos momentos de glórias, agora sob gestão de Pedro Lourenço, que comprou a SAF de Ronaldo Fenômeno, e já está colhendo frutos. Buscando novas receitas para tornar o orçamento mais robusto, a Raposa confirmou retorno de última hora e contou aos torcedores e parceria de longa data que chegou para ficar.

Pelas redes sociais nesta sexta-feira (10), o Cruzeiro confirmou a renovação contratual com a empresa “Vilma alimentos”, que vai ter a marca estampada nas costas da camisa celeste de jogo. Referência no ramo de alimentos, o vínculo será válido até o final de 2025. O Cabuloso não divulgou os valores envolvidos no acordo.

“O Cruzeiro anuncia, nesta sexta-feira mais uma forte parceria. A Vilma Alimentos, empresa que é referência brasileira no ramo alimentício, volta a ser patrocinadora do clube. A indústria genuinamente mineira esteve ao lado do Cruzeiro em duas oportunidades na última década – entre 2015 e 2018 e na temporada 2020.”, disse a Raposa em divulgação de acordo.

Feliz pela retomada da parceria, Pedro Lourenço comemorou o acordo. “Ficamos muito felizes com esta parceria retomada entre o Cruzeiro e a Vilma. Assim como o Cruzeiro, a Vilma tem uma história centenária e está presente na vida dos mineiros e em todo o Brasil. Agradecemos a confiança e temos certeza de que essa união será muito produtiva para todos os envolvidos!”, afirmou Pedrinho.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Patrícia Costa, presidente da Vilma Alimentos, também falou da retomada da parceria com o Cruzeiro. “Iniciamos as comemorações dos 100 anos com a inauguração da nova fábrica e o retorno da parceria com o Cruzeiro, uma forma de valorizar o esporte e consolidar a marca na categoria de biscoitos”, afirmou a gestora.

Comentários estão fechados.