Nova profissão do atacante Deivid é de cair da cadeira

O atacante Deivid, que teve passagem pelo Cruzeiro e ficou famoso pelos gols ridículos perdidos na cara do gol, está com nova profissão e fez todos caírem da cadeira de surpresa. Aposentado dos gramados desde 2014, quando se despediu atuando pelo Coritiba, o jogador vem investindo em outras áreas e acabou se afastando do futebol nos últimos anos.

Aos 44 anos, o jogador apostou na carreira na beira do campo quando se aposentou, foi auxiliar técnico em algumas equipes, mas viu que o futuro estava em outras áreas e surpreendeu a todos com a ousadia nos negócios. Com passagem pelo Cabuloso em 2003, fez parte do elenco campeão da tríplice coroa, disputando 37 partidas, onde marcou 28 gols.

Em entrevista dada no ano passado, o ex-jogador revelou que está trabalhando na área de bebidas e da construção civil. “Tenho uma empresa de energéticos há quatro anos e também uma outra de construção civil na Baixada Santista. Nós fazemos prédios na Praia Grande. Dei um tempo no futebol. Estou vendo como está o mercado, que toda hora muda”, disse Deivid.

Hino do Cruzeiro; veja a história

A canção surgiu após resultado de um concurso realizado por uma rádio mineira nos anos 60. Criado em 1965 para um concurso organizado pela Rádio Inconfidência, o vencedor foi o maestro e músico Jadir Ambrósio com a música “Hino ao Campeão Cruzeiro Esporte Clube”. Com 80 palavras na canção, o novo hino caiu nas graças dos cruzeirenses e desde então vem sendo os sons dos inúmeros conquistados pelo clube desde então.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Comentários estão fechados.