Nobre atitude de Ronaldo ao lado de Schumacher deixou todos sem palavras

Ronaldo Fenômeno e Michael Schumacher escreveram seus nomes na história dos esportes. Enquanto o ex-jogador foi um dos maiores atacantes de todos os tempos, nas pistas, o ex-piloto de Fórmula 1 deixou um legado que jamais será apagado. Afinal de contas, foram sete títulos mundiais, além de uma série de recordes impressionantes. 

Schumacher, no entanto, sofreu um grave acidente em 29 de dezembro de 2013, quando esquiava em Méribel, na França. Pouco mais de dez anos depois, o estado de saúde do alemão segue guardado a sete chaves pela família. 

O advogado Felix Damm, que representa a família Schumacher, explicou, em entrevista à Leal Tribune Online, que a decisão de manter em sigilo o quadro de saúde do ex-piloto foi tomada por dois motivos: o primeiro, claro, para respeitar a privacidade; além disso, ele afirmou que nenhum comunicado oficial sanaria a curiosidade do público.

“Sempre foi sobre proteger informações privadas. Discutimos muito como tornar isso possível, então também consideramos que um relatório final sobre a saúde de Michael seria a maneira correta de fazê-lo, mas isso não teria sido o fim, e teríamos que ter relatórios atualizados constantemente”, disse. 

Ronaldo apareceu ao lado de Schumacher por nobre causa

Ainda quando era jogador de futebol, Ronaldo Fenômeno se uniu a Michael Schumacher, então piloto de F1, para participar de um jogo amistoso e beneficente do Criança Esperança. A partida foi disputada no início de 2001, no Maracanã, e ambos foram do mesmo time. A saber, o Vermelho. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

A equipe de Ronaldo e de Schumacher venceu o duelo por 10×9. O ex-piloto, aliás, balançou as redes naquela partida. O ex-atacante, por sua vez, tinha acabado de se recuperar da grave lesão no joelho que sofreu na Inter de Milão. No ano seguinte, nos trouxe a Copa do Mundo.

Comentários estão fechados.