Nobre atitude de Fábio ajudando o Cruzeiro mostrou como um ídolo deve agir

O goleiro Fábio, ídolo máximo do Cruzeiro com 976 partidas disputadas, está jogando atualmente no Fluminense, mas não esqueceu do clube mineiro e tomou atitude nobre que vai fazer os milhões de cruzeirenses esquecerem.

No Fluminense desde o começo de 2022 após a chegada da SAF, onde não chegou a um acordo com Ronaldo, Fábio foi campeão da Copa Libertadores pela equipe carioca e não esqueceu dos tempos de Cruzeiro. Após o título, o goleiro mandou recado aos cruzeirenses.

“Agradeço a Deus e a todas as equipes [que atuei], primeiramente o Vasco. Torcida cruzeirense, vocês estiveram torcendo e sabem do carinho que tenho por vocês. Gratidão sempre. Agradeço também a torcida tricolor que sempre me apoiou nos momentos mais difíceis da minha vida. Pessoas certas me deram palavras de paz”, disse Fábio.

Fábio jogou no Cruzeiro entre os anos de 2000 e 2021, em duas passagens. Ao todo, o goleiro conquistou 12 títulos. Campeonato Brasileiro (2013 e 2014), Copa do Brasil (2000, 2017 e 2018) e o Campeonato Mineiro (2006, 2008, 2009, 2011, 2014, 2018 e 2019).

Com contrato até o final de 2025 no Fluminense, Fábio afirmou não ter planos de retornar ao Cruzeiro. Aos 43 anos, o goleiro deve pendurar as chuteiras ao final deste vínculo com a equipe carioca.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Eu nunca conversei com o Ronaldo. A forma que aconteceu [a saída do Cruzeiro] foi totalmente fora do que é correto. Eu fiz de tudo: voltei antes de férias para conversar antes com os caras, abri mão de tudo e depois não tive mais contato. Nem na minha volta [para jogar contra o clube mineiro] tive contato, só com as pessoas direcionadas a conversar comigo”, afirmou Fábio.

Comentários estão fechados.