Nico Larcamón age nos bastidores e toma atitude relacionada aos atletas do Cruzeiro

O técnico Nico Larcamón, do Cruzeiro, não ficou nada satisfeito depois da derrota para o Sousa-PB por 2 a 0 na Copa do Brasil, está agindo nos bastidores e tomou atitude com os atletas do clube. Com o resultado negativo, o Cabuloso foi eliminado da Copa do Brasil na primeira fase, feito que não acontecia desde 1997.

Na entrevista coletiva após o jogo, o treinador afirmou que a derrota é péssima, mas vai servir de motivação para a equipe na sequência da temporada de 2024. Agora com três competições pela frente, o Cabuloso terá que mostrar aos torcedores que merece a confiança nos jogos seguintes.

“(Disse) Que todo o jogo, toda essa bronca tem que ser combustível para o que teremos adiante. Que o jogo (contra o Sousa-PB) não é o fim do trabalho que está acontecendo. Estamos trabalhando muito para fazer um grande Mineiro, para iniciar muito bem a Copa Sul-Americana”, revelou o argentino.

Ainda na resposta, o treinador lamentou o resultado negativo. Com muita chuva e gramado pesado, o Cabuloso tomou dois gols de Danillo Bala na reta final da partida e deu adeus a competição.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Infelizmente, foi uma noite que não esperávamos, nem sequer merecíamos. Isso não é só merecimento, é ser responsável. Encontrar na derrota o combustível para seguir junto, unido, para seguir da trabalhando da maneira que estamos trabalhando. Há umas semanas estávamos celebrando a vitória em um clássico, e agora temos que ser equilibrados no triunfo e na derrota para sermos um time consistente no decorrer do ano”, concluiu.

Comentários estão fechados.