Na última hora nesta sexta (12): Conselho do Cruzeiro decide agendar reunião

A diretoria do Cruzeiro tomou decisão de última hora nesta sexta-feira (12) e agendou reunião com o conselho do clube para apresentar as contas do Cabuloso de 2023. Com crises financeiras graves nos últimos anos, a direção da Raposa está ciente da importância em cuidas dos gastos previstos e aplicados e tem como um prioridade mostrar como tudo tá funcionando.

De acordo com informações apuradas, o Conselho Deliberativo da associação civil agendou uma reunião para o dia 30 de abril (terça-feira), às 18h30, no Parque Esportivo do Barro Preto, em Belo Horizonte. A ideia da reunião é analisar como estão sendo realizados os investimentos e despesas do clube pela SAF, que é dona de 90% do futebol do clube.

O balanço de 2023 já está em análise pela comissão fiscal do clube mineiro e agora será apresentado nos próximos dias aos conselheiros, que vão se debruçar sobre os números e decidiram em colegiado se aprovam ou não os balanços apresentados. Pela Lei Pelé, todos os clubes brasileiros devem detalhar as contas do ano anterior até 30 de abril.

Com a SAF no clube desde o final de 2021, o Cruzeiro vem realizando pagamento e teve recuperação judicial aprovada na justiça para poder diminuir a dívida do clube e arcar os compromissos com os credores, que atingiu valor máximo em 2022, superior a R$ 1 bilhão. A tendência é que em 2023 o valor já tenha começado a diminuir.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

  • 2022: R$ 1,052 bilhão
  • 2021: R$ 970 milhões
  • 2020: R$ 898 milhões
  • 2019: R$ 804 milhões
  • 2018: R$ 533 milhões
  • 2017: R$ 371 milhões

Comentários estão fechados.