Lado conservador do Cruzeiro contesta atitude interna de Larcamón

O técnico Nico Larcamón está trabalhando no Cruzeiro desde o dia 6 de janeiro, está tendo bom começo e sofreu revés ao ser eliminado na primeira fase da Copa do Brasil, mas está sofrendo pressões de lado conservador do clube que estão contestando atitude interna do treinador argentino. Aos 39 anos, Larcamón tem estilo moderno e estava atuando no León, do México, antes de ser contratado para o Cabuloso.

Em nove jogos pelo Cruzeiro, Nico Larcamón usou 24 jogadores e não repetiu nenhuma escalação inicial. O técnico vem realizando testes no elenco celeste para achar a formação ideal e dar rodagem a todo o grupo. Setores mais conservadores da torcida queriam que o treinador repetisse a escalação e estão descontentes com as performances.

Os mais utilizados pelo treinador são Rafael Cabral, Arthur Gomes, William e Dinenno que participaram das 9 partidas do Cruzeiro na temporada, 8 pelo estadual e 1 pela Copa do Brasil. Outros 3 jogadores participaram de 8 partidas, são eles: Marlon, Lucas Silva e Matheus Pereira. Veja lista completa de participações dos jogadores.

9 jogos: Rafael Cabral, William, Arthur Gomes e Dinenno
8 jogos: Marlon, Lucas Silva, Matheus Pereira
7 jogos: Wesley Gasolina, Zé Ivaldo, João Pedro (afastado), Robert
6 jogos: Neris, João Marcelo, Lucas Romero
7 jogos: Japa, Rafael Papagaio
4 jogos: Filipe Machado
3 jogos: Rafa Silva e Fernando
2 jogos: Villalba, Cifuentes, Mateus Vital
1 jogo: Palacios, Ramiro
Sem jogos: Anderson, Leo Aragão, Pedrão, Vitinho e Barreal; Kaiki, Gabriel Verón, Rafael Bilu (departamento médico).

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Comentários estão fechados.