John Textor precisou intervir para que ex-Cruzeiro não fosse hostilizado

O Botafogo encerrou a última temporada mal das pernas e, ao que tudo indica, não conseguiu se recuperar do tombo. Na noite da última quarta-feira (24), o alvinegro perdeu mais uma, dessa vez para o Boavista, pela terceira rodada do Campeonato Carioca. 

O fato é que muitos torcedores botafoguenses têm apontado um ex-Cruzeiro por tudo de ruim que vem acontecendo com o clube desde a inacreditável perda do Brasileirão de 2023; ao ponto do dono da SAF do Botafogo, John Textor, ter que vir a público para defender o seu contratado. 

John Textor toma as dores de ex-Cruzeiro e reage

A saber, torcedores do Botafogo hostilizaram o diretor esportivo do clube, André Mazzuco, que já trabalhou no Cruzeiro em um passado não muito distante. Como mencionado, John Textor tomou as dores do seu braço direito e usou as redes sociais para se pronunciar. 

O empresário norte-americano compartilhou um vídeo do pelo perfil “Fogão do Meu Coração” e destacou. 

“Cada membro da equipe precisa melhorar neste ano. Proprietário, departamento de futebol, treinadores, jogadores e torcedores. Estamos em 2024 e é hora de fazer uma escolha. Entre o amor e o ódio… Você é um companheiro de equipe que nos ajudará a vencer?”, John Textor.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

A passagem de André Mazzuco pelo Cruzeiro não durou muito tempo. Ao todo, foram quatro meses, 23 dias e 12 contratações. Ele deixou o clube em maio de 2021 para acertar sua ida ao Santos

Pelo Cruzeiro, Mazzuco esteve envolvido na contratação de 12 jogadores. Foram eles: os zagueiros Eduardo Brock e Joseph; os laterais-direitos Alan Ruschel e Klebinho; os volantes Matheus Neris, Matheus Barbosa e Flávio; os meias Marcinho e Rômulo, além dos atacantes Felipe Augusto, Bruno José e Guilherme Bissoli. 

Comentários estão fechados.