Jogador mais contestado do Cruzeiro ganha apenas R$ 270 mil por mês

Após assegurar a permanência na elite do futebol nacional, o Cruzeiro viu o seu orçamento crescer do ano passado para cá. Contudo, destaca-se que o clube ainda opera com a corda no pescoço. Prova disso está no salário de alguns jogadores do elenco celeste. 

Dessa vez, o jornalista Jorge Nicola, em contato com uma fonte ligada ao Cruzeiro, revelou que um dos jogadores mais contestados pela torcida mineira recebe “apenas” R$ 270 mil de salário. A saber, trata-se do goleiro Rafael Cabral. 

Cruzeiro pensa em abrir mão de Rafael Cabral?

É importante destacar que o arqueiro celeste não deixará o clube e, na verdade, tem sido um dos capitães do Cruzeiro nesta temporada, ao lado de Lucas Romero e Lucas Silva. Por conta de todo o seu papel de liderança no elenco, especulava-se um salário até maior para Rafael Cabral. 

A título de comparação, diversos outros goleiros da Série A do Brasileirão recebem bem mais. Para se ter uma ideia, o salário de Rafael no São Paulo gira em torno de R$ 700 mil, assim como Weverton, do Palmeiras

Ainda em tempo, vale ponderar que, apesar das críticas que tem sofrido desde a sua chegada ao Cruzeiro, Rafael Cabral comandou a defesa menos vazada do Brasil nas duas últimas temporadas. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Neste ano, o Cruzeiro sofreu cinco gols em sete jogos no Estadual. A defesa celeste só não é melhor do que a do América, com dois gols sofridos. 

A Raposa voltará a campo neste sábado (2), às 16h30, para encarar o Uberlândia, em jogo da última rodada da fase de grupos do torneio. A partida será disputada no Mineirão.

Comentários estão fechados.