Falou mal do Cruzeiro pra todo Brasil e agora foi demitido sem dó

O Cruzeiro está feliz da vida depois de vencer o Atlético-MG por 2 a 0 na Arena MRV e está podendo ver treinador que falou mal do clube para todo o Brasil se dar mal e acabar de ser demitido. Mano Menezes, atualmente no Corinthians, vinha em sequência de quatro derrotas consecutivas e deu adeus ao Timão nesta segunda-feira (5)

Lanterna do grupo no Campeonato Paulista, o Corinthians está correndo risco de ser rebaixado e vem tendo que lidar com a insatisfação dos torcedores, que exigiam a saída do treinador. O maior impeditivo, no entanto, era a multa rescisória alta, calculada na casa dos R$ 9,6 milhões. O clube ainda não disse como será a saída, negociando ou pagando diretamente, mas já tomou a decisão.

Em entrevista depois de perder para o Novorizontino no sábado (3), o treinador falou que entende o sentimento dos torcedores. “Entendo a pressão, o torcedor, tudo que ele está sentido, nós estamos sentindo também. Mas o caminho é o trabalho, é árduo, vamos trabalhar até quando acharem que sou eu que tenho que conduzir o processo”, disse Mano Menezes, que ainda não sabia que seria demitido.

O treinador está na terceira passagem pelo clube paulista, mas não vem conseguindo ter resultados. Vitorioso no Cruzeiro, campeão da Copa do Brasil em 2017 e 2018, o técnico andou falando mal do Cabuloso e agora se deu mal.

Sem receber os valores acordados em contrato do período no Cruzeiro, Mano andou cobrando o clube publicamente, que não pegou bem entre os cruzeirenses. Em declaração, o treinador reclamou dos pagamentos feitos por meio da Recuperação Judicial.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“No Brasil demora um pouquinho para pagar o contrato e até a rescisão e às vezes até alguns acordos. Então tem um aí que eu estou para receber um real faz tempo, que é do Cruzeiro. A gente fez um acordo e eles nunca cumpriram o acordo, e está na Justiça. Não sou só eu, não, tem 60 pessoas, 70 pessoas na mesma situação. O Fábio tem uma situação semelhante, com um valor muito alto, logicamente, do que o meu, porque jogou no Cruzeiro quase que durante toda a sua carreira.”

Comentários estão fechados.