Ex-piloto faz revelação sobre saúde de Michael Schumacher

O ex-piloto da Fórmula 1, Johnny Herbert, foi companheiro de Michael Schumacher, pela equipe Benneton, no início dos anos 1990 e fez importante revelação sobre o estado de saúde do piloto alemão, que sofreu grave acidente em dezembro de 2013 enquanto esquiava com a família na França.

Colega de equipe de Schumacher no começo dos anos 1990, Johnny Herbert deu depoimento sobre o estado de saúde do ex-companheiro. A declaração foi publicada na última terça-feira (9), para uma entrevista no portal bettingsites.

“Escuto as coisas de outras pessoas. Já me falaram, pessoas de dentro da Fórmula 1, que ele senta à mesa para jantar, mas não sei se isso é verdade. Não ouvimos muito da família e por razões compreensíveis”, afirmou o ex-companheiro de equipe do Alemão.

Ainda na declaração, Herbert afirmou que as informações sobre o piloto alemão são escassas. Schumacher e a família sempre levaram uma vida discreta após o acidente. “Na minha opinião, e eu devo reforçar que não escutei absolutamente nada vindo da família, é que infelizmente ele deve estar em situação semelhante desde quando ocorreu o acidente. Eu não acredito que mudou alguma coisa”, completou.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Finalizando a declaração, Herbert explicou que apenas familiares e colegas próximos podem ter acesso ao ex-piloto da Fórmula 1. Atualmente com 55 anos, Schumacher foi sete vezes campeão mundial da Fórmula 1: 1994, 1995, 2000, 2001, 2002, 2003, 2004. O alemão atuou na modalidade esportiva em dois períodos entre os anos de 1996 a 2012.

Comentários estão fechados.