Enquanto Scarpa se deu mal, ex-Cruzeiro diz que foi beneficiado por consultoria indicada por Bigode

O meia Gustavo Scarpa, contratado para o Atlético-MG neste começo de 2024 por R$ 24 milhões, se deu mal ao cair em golpe milionário envolvendo o atacante William Bigode, atualmente no Santos e ídolo do Cruzeiro. Com prejuízo de quase 5 milhões de reais, o jogador do Galo está cobrando na justiça os valores perdidos, mas teve quem duvidasse da situação do meia.

Neilton, ex-Cruzeiro, saiu em defesa de William Bigode. Os dois jogaram juntos no Cabuloso em 2014. Atualmente no Água Santa, o atacante revelou no programa Flow, ter recebido consultoria financeira de William Bigode.

“Willian, que hoje está com esse problema, é um cara que eu sou muito grato. Ele me ajudou bastante com planejamento financeiro, me apresentou a uma empresa de consultoria financeira e foi tudo bom”, disse Neilton. 

Formado nas categorias de base do Santos, Neilton apareceu para o futebol nacional como uma promessa para substituir Neymar, que tinha acabado de ser negociado com o Barcelona, mas não correspondeu as expectativas e foi emprestado ao Cruzeiro, participando do elenco campeão do Brasileirão em 2014.

Em entrevista recente, Gustavo Scarpa comentou pela primeira vez do prejuízo sofrido na consultoria de Bigode. “Acompanhei, acompanhei sim. Tenho acompanhado todo esse caso aí, né? Quase todo dia. Tô esperando a justiça ser feita. É um processo que demandou muita atenção e foco da minha parte. Eu acredito ainda que vou conseguir resolver essa situação”, disse o meio-campista.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Acompanhei a entrevista dele [Willian] e prefiro nem comentar. Vontade eu tenho de comentar e falar tudo o que eu penso dele, de tudo o que ele fez. Mas é isso… A justiça será feita. Minha volta ao Brasil, espero que influencie de alguma forma nisso”, concluiu Scarpa.

Comentários estão fechados.