Diretor vai contra postura do Grêmio e permite negociação do Cruzeiro com Fernando Henrique

Cruzeiro e Grêmio, aparentemente já teriam tudo certo para o empréstimo do volante Fernando Henrique ao clube mineiro. Porém, nessa quinta feira (7), o Grêmio recuou nas negociações e vetou a saída do jogador de 21 anos.

Essa notícia pegou tanto o Cruzeiro, quanto o agente do atleta de surpresa. Marcelo Pacheco, agente de Fernando, encaminhou ao Superesportes, o áudio que o diretor executivo de futebol, Diego Cerri, lhe mandou no sábado (2), liberando o jogador para viajar a Belo Horizonte e acertar os últimos detalhes da negociação.

“Bom dia, Marcelo. Tentei te ligar, porque vou embarcar agora, nós vamos voar, mas nada que a gente precise falar por telefone. Te mando essa mensagem para dizer que está tudo alinhado com o Cruzeiro e que vocês podem combinar com o pessoal do Cruzeiro para alinhar a data que ele vai viajar. Está liberado para viajar”, disse Diego Cerri, em áudio para o agente de Fernando Henrique.

Ao Globo Esporte, Marcelo falou sobre o assunto e afirmou que o jogador não volta para o clube gaúcho. “Cumprir o acordo e jogar no Cruzeiro é a vontade dele. Não cogito a possibilidade. Não tem clima para voltar para o Grêmio”, afirmou.

Ele ainda falou sobre a postura do Grêmio. “Não falaram nada, não me atenderam, não me responderam. (…). Postura inadequada para um clube como o Grêmio. Estava tudo alinhado, faltavam trocar documentos e voltaram atrás”, revelou.

Chegada de atacante

O Cruzeiro anunciou o atacante Bruno Rodrigues, que pertence a Tombense, por empréstimo até o final de 2023. O jogador vinha atuando pelo Famalicão, de Portugal, onde marcou oito gols e deu quatro assistências em 40 jogos.

Porém, seu grande destaque foi na Ponte Preta, onde o atacante de 26 anos, marcou 11 gols e deu 11 assistências, em 47 jogos disputados. Ele chega para disputar vaga com Jajá, Luvannor, Vitor Leque e Waguininho.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.