Dinenno mal chegou no Cruzeiro e já tem contrato assinado com rival

Juan Dinenno foi anunciado pelo Cruzeiro para ser a grande referência ofensiva do time na temporada. O centroavante, de certa forma, teve um início promissor. Afinal de contas, balançou as redes em dois dos três jogos que o time fez em 2024. A saber, no jogo-treino contra o Itabirito e na estreia do Campeonato Mineiro, na vitória por 2 a 1 sobre o Villa Nova. 

Passou em branco na segunda rodada do Estadual, no empate por 1 a 1 com o Athletic. Vale dizer que o atacante chegou a ser contestado por alguns torcedores nas redes sociais, mas estará em campo diante do Atlético-MG, neste sábado (3), às 19h30, na Arena MRV. 

Dinenno assinou com rival do Cruzeiro 

Ainda que não seja um grande problema, Dinenno tem um acordo de parceria firmado com a Adidas. Vale lembrar que a empresa alemã é a fornecedora de materiais esportivos da Raposa, com contrato até o fim de 2025. No entanto, a relação entre as partes não é das melhores.

Tanto assim que, no ano passado, após uma série de polêmicas com a marca, o Cruzeiro tentou romper o acordo para fechar com a Nike, que já patrocina Ronaldo Fenômeno, dono do clube. A rescisão, porém, não aconteceu; o clube seguirá com a Adidas até o final do ano que vem.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Cabe lembrar alguns embates entre Cruzeiro e Adidas no ano passado. O principal deles, é claro, foi quando a empresa chamou o Atlético-MG de “Maior de Minas”, no lançamento da camisa do Galo, ainda em março de 2023. A ação não pegou bem na diretoria celeste. A Adidas retirou a campanha do ar. 

Além disso, Gabriel Lima, CEO do Cruzeiro, veio a público reclamar sobre o vazamento dos lançamentos do Cruzeiro. Neste ano, por outro lado, ainda não saíram detalhes sobre a nova camisa da Raposa. 

Comentários estão fechados.